Assinatura RSS

Desvendando a puberdade – III/IV

Publicado em

Avaliação dos estágios da puberdade em meninas baseado nos estudos de Tanner

 Tentando decifrar as diferenças entre a idade cronológica e a idade biológica que influenciam o aparecimento da menarca (primeira menstruação), os pesquisadores avaliaram 192 meninas britânicas durante vários meses, sendo que as avaliações eram trimestrais, feitas através de registro fotográfico para posterior análise e comparação com 4 estágios de desenvolvimento, consistindo na avaliação dos pêlos pubianos e das mamas. Algumas considerações foram feitas:

  • Cada indíviduo tem sua própria velocidade de maturação; algumas meninas iniciaram o processo em idades mais precoces e outras em idades mais tardias.
  • Geralmente os estágios de desenvolvimento dos pêlos e das mamas não coincidem, mas acontecem em fases próximas.
  • Os estágios dos pêlos aconteceram em seqüência para todas as meninas; porém algumas meninas que já haviam atingido o estágio 5 das mamas regrediram para o 4 e depois retornaram ao estágio 5.
  • Algumas meninas passaram do estágio 3 ao 5 das mamas em apenas 3 meses
  • Todas tiveram o pico de crescimento antes da menarca.
  • O pico de crescimento aconteceu por volta do estágio 3 e a menarca por volta do estágio 4.
  • O primeiro sinal da puberdade aconteceu em 95% meninas entre os 8,5 anos e os 13 anos e o estágio mamário maduro aconteceu entre os 11,8 anos e os 18,9 anos.
  • A idade média do pico de crescimento foi entre 12 anos e a idade média da menarca aconteceu entre os 13 anos. O intervalo médio entre o início do desenvolvimento das mamas e o pico de crescimento foi de 1 ano. O intervalo entre o início do desenvolvimento das mamas e a menarca foi de 2 anos, porém foram observados intervalos entre 6 meses a 5 anos e 9 meses.

 para saber mais:

Tanner, J.M. and Marchall, W.A. (1969). Variations in Pattern of Pubertal Changes in Boys. Archives of  Disease in Childhood, 1970, 45, 13

Tanner, J.M. and Marchall, W.A. (1969). Variations in Pattern of Pubertal Changes in Girls. Archives of  Disease in Childhood, 44, 291

Barbanti, V. J. Treinamento esportivo: formação de esportistas. 1ª edição. Barueri. Manole, 2005.

Sobre Lica

Apaixonada pelo ensino de de ballet e ginástica para crianças e adolescentes. Formada em Ed Física pela UFRGS e especialista em treinamento desportivo pela UGF.

»

  1. Olá profa.

    Gostei da matéria. Soh corrija o ano de publicação do primeiro estudo de Tanner e Marshall com os meninos que foi 1970. Aliás, vale lembrar que perdemos recentemente um grande nome da área de crescimento. Tanner foi sem dúvida alguma um grande pesquisador.

    Valeu

    Abraço

  2. Olá Rodrigo, agradeço o comentário do post. e sobre o estudo de tanner, não utilizei o primeiro estudo dele de 1970 para esta matéria, portanto o ano da publicação está correto.
    abraço,
    Lica

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: